sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Scott Hamilton e Bucky Pizzarelli

Meu caro CD, como eu comentei no seu post, tem outro disco de Bucky Pizzarelli que eu considero melhor: Scott Hamilton & Bucky Pizzarelli - The red door (1998). A parte interessante é que é um disco dedicado a Zoot Sims. A homenagem, mais que justa, resultou num trabalho soberbo, que me soou melhor que o que você postou (sei que existe outra gravação de Sims e Pizzarelli, de 73, a qual eu não conheço [seria a mesma?] e, caso você tenha, aceito uma cópia). No disco que eu deixo no blog, você poderá conferir a pegada rítmica de Pizzarelli (auxiliada pela sétima corda, que permite uma sólida linha de baixo): é puro veneno - suíngue de primeira. Os seus solos são construídos, mantendo o seu estilo, em consistentes chords melodies. Hamilton, por sua vez, sabe aproveitar a highway harmônica construída por Bucky, e destila notas com timbre suave e envolvente, propiciando-nos um passeio tranqüilo e relaxante. E, Guzz, esse é um disco que poderia ser levado para uma ilha deserta. Ouça The red door, Two funky people e Morning fun.

3 comentários:

Guzz disse...

Pois é Vinyl ... Esse eu tenho !

E a guitarra jazz sempre é fascinante. E uma das vantagens da sétima corda é a possibilidade de melhor desenvolvimento das linhas de baixo, seja no "chord melody" ou "walking".
Que diga Jimmy Bruno, George Van Eps e Ron Eschette.

Scott Hamilton sempre gostou de ter ao lado grandes guitarristas e nessa linha de duo Howard Alden foi outro que executou brilhantemente ao seu lado.


Abs,

CD disse...

Meninos, eu vi!Hamilton é sensacional. Os vídeos que estão postados são geniais.
Quanto ao disco, eu não tenho e quero ter.

Anônimo disse...

Por que nao:)