terça-feira, 6 de outubro de 2015

Coltrane changes

Vez e outra, no título de seus lps, Coltrane brinca com as palavras, joga com o sentido destas, propiciando diversas leituras. Coisa de jazzista, de criador. Brincar com a homofonia entre train e trane é um desses momentos. O lp, no caso, é Blue train, de 1957 (aliás, não sei se foi ele mesmo quem batizou seus discos, mas se não foi ele, foi alguém que embarcou na sua viagem). Trem azul, Trane triste, polissemia que, enfim, Coltrane explora em seus solos, transforma em música nos seus famosos "changes", "Coltrane changes", que se tornaram objeto de estudo obrigatório para todos que pensam em tocar jazz
Esse lp contém um dos standards coltraneanos mais executados pelos jazzistas nos botecos espalhados pelo mundo: justamente a faixa título - Blue train. Observem como Trane constrói seus solos, alternando tom menor e maior. Outro tema bom de tocar é Lazy bird, mas que a galera não toca muito (pelo menos os meus conhecidos). 
O disco completo está disponível no youtube. Quem quiser baixar pode usar o clipconverter.cc, conversor online de fácil manuseio. Deleitem-se:
https://youtu.be/VIpNrRCI48E  

Nenhum comentário: